Como é o T-Rex Park em Campinas

🚩🚩 Atualizado em agosto de 2021 🚩🚩

>>>> O T-Rex Park foi fechado em Campinas e atualmente funciona no Shopping D, na cidade de São Paulo. <<<<

Já contei aqui que temos um pequeno fanático por dinossauros aqui em casa – o que nos faz conhecer muitos lugares com essa temática, rendendo até um post sobre isso (Onde ver dinossauros – dicas de parques e museus no Brasil). E há bastante tempo planejávamos conhecer o T-Rex Park que, como o próprio nome diz, é um parque de diversões todo trabalhado nos dinossauros, para acrescentar à nossa já extensa lista. Nem preciso dizer que, assim que comprei os ingressos e contei para o meu dinolover, ele ficou animadíssimo e contou as horas até o tão esperado dia!

⤕ Onde fica o T-Rex Park

O T-Rex Park fica na cidade de Campinas, dentro do Shopping Dom Pedro, às margens da Rodovia Dom Pedro (SP-065), mais ou menos na altura do km 137. É preciso entrar no estacionamento do shopping, e a entrada mais próxima da bilheteria é a Entrada das Pedras. Vale dizer que esse shopping é enorme e não há nenhuma indicação do parque no estacionamento (tivemos que perguntar duas vezes pois achávamos que era na área externa). O único jeito de acessar o parque é entrando no shopping. 

O endereço oficial é Av. Guilherme Campos, 500 – Santa Genebra.

⤕ Onde comprar os ingressos do T-Rex Park

Os ingressos podem ser comprados diretamente na bilheteria do parque ou através do site oficial (t-rexpark.com.br). Nós compramos no site, aproveitando uma promoção “compre 4 pague 3” que estava valendo para o mês de setembro (valor total R$ 191,90), mas há outras opções de compra múltipla. É possível também encontrar promoções no Peixe Urbano, Groupon e outros sites do tipo, dependendo da época.

⤕ Como é o T-Rex Park

O T-Rex Park, embora seja dentro do shopping, é aberto e ocupa uma área de 7 mil m2 (bem pequeno se comparado a outros parques de diversões, como o Beto Carrero World ou Hopi Hari). É bom ir preparado com boné, água e filtro solar, pois o sol é inclemente, especialmente no meio do dia. 

Como esperado, todas as atrações são temáticas de dinossauros. Para os pequenos dinolovers, o impacto já começa na entrada: um tiranossauro rex gigante, que “ruge” e se mexe, dá as boas-vindas aos visitantes. Há outros espécimes espalhados pelo parque, inclusive um jipe tomado por velocirráptors 😃 O meu caçula adorou todos!

A vantagem de ser bem menor que outros parques é que dá para repetir as atrações várias vezes e não dá medo de perder as crianças, quando se está com mais de uma – é perfeitamente possível uma ir em um brinquedo enquanto o outro vai no do lado, e nós adultos conseguimos ver os dois. E aqui vale o aviso: é um parque para crianças pequenas, até uns 10 anos no máximo. Os brinquedos são pequenos – há restrição de altura em vários deles, de forma que as crianças possam ir desacompanhadas. Apenas alguns permitem adultos – caso da montanha-russa Dragon Coaster, por exemplo – e nosso papel é sermos expectadores (o que funciona perfeitamente pra mim, que sou super medrosa e normalmente não vou em nenhum brinquedo de parque de diversões!)

Nossa malinha mais velha, com 9 anos, tinha torcido o nariz para os dinossauros, mas se divertiu a valer nos brinquedos que experimentou – os preferidos (que ela repetiu à exaustão) foram o Super Dino (uma mini montanha-russa), a Torre Kids (um elevador tamanho pequeno) e o Bate Rex (uma versão bem light do carrinho bate-bate).

O mais novo, com 6 anos e bem menos aventureiro que a irmã, foi umas mil vezes no Dininho Tour e no Dino Safari (duas versões diferentes de trenzinho), no Dino Tour (dinossaurinhos que a própria criança “dirige” dentro de um espaço fechado) e curtiu ir com o pai no Bate Rex (depois de muita insistência).

Fomos todos juntos na Roda Safári (roda-gigante), no Dino Omelete (versão jurássica das xícaras que rodam) e no Cine Rex (um filminho sobre um pequeno dinossauro que sai do ovo e se perde, até a mãe encontrá-lo).

Além dessas atrações, há um elevador maior (Torre Panorâmica), que não estava em funcionamento; uma versão menor das xícaras (Tea Rex); o T-Rex Combate, um túnel com canhões que disparam bolinhas de algodão (os malinhas não quiseram ir porque era bem barulhento, mas vimos outras crianças se divertindo a valer); um barco viking (Dino Pássaro) e uma atração de arvorismo paga à parte (Skyloop), que não vimos funcionando.

De tempos em tempos um dinossauros “escapa” e dá a volta pelo parque, interagindo com as crianças – que amam!. Há também um palco, ao lado da lanchonete, onde um dino aparece para fotos, em alguns horários pré-determinados. O engraçado é a acompanhante do dinossauro ficar atrás dele, evitando que o rabo bata nas pessoas 😂

Obviamente há uma lojinha com preços astronômicos, e para comer há uma pequena lanchonete que vende picolés, pipoca, cachorro-quente e bebidas. É permitido sair do parque para comer no shopping e voltar, basta receber um carimbo na saída para poder retornar.

Há uma boa estrutura de banheiros (inclusive um familiar) mas achamos que poderia haver mais bebedouros (há apenas um na lateral do prédio dos banheiros). É também possível fazer festas de aniversário lá dentro, há mais informações no site.

⤕ Conclusões

👉 Como já dito acima, é um parque voltado para crianças pequenas. Se você gosta de adrenalina e usa a desculpa de levar as crianças para poder se divertir em parques de diversão, não é seu lugar.

👉 É pequeno e acessível. Vimos muita gente com crianças no carrinho, idosos acompanhando os netos, famílias com várias crianças. O fato dos brinquedos serem pertinho uns dos outros é bom, não dá briga por um ter que esperar o outro.

👉 O parque encheu bastante no dia em que fomos, mas mesmo assim quase não havia filas, o que é ótimo principalmente para os menorzinhos, que não têm paciência de esperar muito.

👉 Como em outros parques, não há muitos locais cobertos, por isso é bom ir prevenido com boné, óculos escuros e filtro solar – o sol judia mesmo!

👉 É ótimo poder sair do parque para o shopping e vice-versa, especialmente se estiver muito calor, pois é possível comer e se refrescar no ar condicionado e depois voltar para o parque.

🐲 Sugestões de outros lugares com temática de dinossauros? Tem esse post aqui com uma lista: 

Onde ver dinossauros – dicas de parques e museus no Brasil

🎡 Mais parques de diversões? Tem aqui:

Hopi Hari com 2 malinhas

Beto Carrero com 2 malinhas

⤕ Links úteis

Site oficial do parque: t-rexpark.com.br

Site do shopping: parquedpedro.com.br

 

 Salve essa imagem no seu Pinterest 👇-

Gostou? Compartilhe!

Planeje sua viagem!

Utilizando os links dos nossos parceiros abaixo, você não paga nada a mais e nos ajuda a continuar produzindo conteúdo bacana e atualizado.

Quem Somos

Somos uma família de 4: eu, Cíntia, engenheira de formação mas que sempre gostei de escrever e viajar; marido, que me acompanha nas viagens (mentais ou reais) desde 2009; e nossos 2 malinhas, Letícia e Felipe, atualmente com 12 e 10 anos, que carregamos por todos os lugares desde que ainda estavam na minha barriga. Às vezes somos 5, quando meu enteado, atualmente com 19 anos, nos acompanha – os malinhas amam quando o irmão mais velho está junto!

Fazemos Parte

Siga no Facebook

Siga no Pinterest

Siga no Instagram

Vá de carro

Compre suas passagens

Não viaje sem seguro

Leia com a gente

Posts Recentes

Continue entre Mochilas e Malinhas

6 respostas

  1. Meu sobrinho é apaixonado por dinossauros e vai amar conhecer o T-TRex Park em Campinas. Eu mesmo fui em um parecido em Foz e adorei, então imagino as crianças. Ótima dica.

  2. Olá amigos, eu sou novo no fórum e gostaria de ouvir algumas dicas.

    Eu estava vendo as opiniões anteriores e os preços nas agências mencionadas e percebi que elas são um pouco altas para minha economia. Para as quais encontrei as seguintes agências e gostaria de saber se alguém as conhece.

    https://www.incajungle.com
    https://www.choquequiraotrek.com/
    https://www.salkantayperu.com
    Espero que você possa me ajudar a realizar meu sonho de viajar para Machu Picchu.

    Abracos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *