Post índice: Santa Catarina – parque, serra e praia

O itinerário

Este ano rompemos com a tradição de viajar nas férias de julho por dois motivos: orçamento apertado (e quem não?) e uma daquelas aventuras malucas do marido – ele se inscreveu na maratona Mizuno Up Hill (link aqui, pra quem quiser saber mais) na Serra do Rio do Rastro, que aconteceria no início de setembro, e foi sorteado para participar! 

Isso lá em meados de abril, em maio fechamos então o roteiro, combinando a serra com o Beto Carrero World, sonho de consumo dos nossos malinhas, e pra despedir ainda passamos um dia em Balneário Camboriú, que nenhum de nós conhecia.

Por conta de ser período de aulas (a maratona seria dia 2 de setembro) e da distância, dessa vez fomos de avião para aproveitarmos ao máximo o prazo de uma semana que nos demos.

E para encaixar o passeio ao Beto Carrero, nosso itinerário foi o seguinte:

  • 2 dias em Penha (onde fica o parque)
  • 3 dias em Urubici (na serra)
  • 2 dias em Balneário Camboriú (no litoral)

O voo

Escolhemos voar até o aeroporto de Navegantes, que fica a cerca de 20 km de Penha, para facilitar a ida ao parque. Compramos as passagens pela Gol, em fins de maio.

O carro

No próprio momento da compra, no site da Gol, fiz as reservas de carro na Localiza, aproveitando um suposto desconto para clientes Gol. Digo suposto porque, apesar do ótimo preço no momento da reserva, quando fomos efetivamente pegar o carro no aeroporto de Navegantes o valor saiu o dobro do programado, por conta de um seguro que não estava incluído. Por isso fica aqui a dica: pesquisar bem antes de reservar um carro.

Felizmente deu tudo certo, apesar de ser um veículo 1.0 o nosso carrinho deu conta de subir e descer as intermináveis montanhas da serra, e não tivemos nenhum problema.

E como já havíamos feito antes, levamos nossas próprias cadeirinhas de carro para os malinhas (embalamos as duas juntas naquele Protect Bag, disponível nos aeroportos).

As hospedagens

Por que escolhemos Urubici, na serra catarinense, ao invés de São Joaquim, que é bem mais famosa? Ou Bom Jardim da Serra, mais estratégica pra quem ia correr a maratona?

Pesquisamos bastante e, apesar da distância entre as cidades não ser muita, em termos de tempo eram longe – por causa das estradas, cheias de curvas. E Urubici, mesmo longe da serra do Rio do Rastro (cerca de 2 horas), tinha mais opções de hospedagem e mais atrativos naturais que as demais cidades. Apesar dos imprevistos e da nossa falta de planejamento para o dia da maratona, foi uma ótima escolha e é o que eu recomendaria para quem quer conhecer a região.

Nos hospedamos na Pousada Kiriri-Etê, que fica a cerca de 9 km do centro de Urubici, que adoramos. Mais sobre ela lá no post sobre a serra.

Em Penha, nos hospedamos na Pousada Savanna, bem pertinho do parque. Recomendo com ressalvas. Mais sobre ela no post sobre o Beto Carrero.

Em Balneário Camboriú, nos hospedamos no Ibis Styles Balneário Camboriú, que ao contrário dos demais hotéis da rede, oferece quartos para famílias, e é todo decorado com fuscas dos tamanhos mais diversos – inclusive um de verdade na recepção. Escolhemos esse hotel por causa da decoração – nosso malinha é louco por carros – e pela ótima localização, além do custo. Pra quem quiser saber mais, nesse post aqui, do blog Viajando com Pimpolhos – Ibis Styles em Balneário Camboriú: um hotel para amantes de fuscas e carros – tem tudo.

Posts específicos de cada etapa

Beto Carrero com 2 malinhas

Serra catarinense a 4

2 dias em Balneário Camboriú a 4 

 – Salve essa imagem no seu Pinterest –

Gostou? Compartilhe!

Planeje sua viagem!

Utilizando os links dos nossos parceiros abaixo, você não paga nada a mais e nos ajuda a continuar produzindo conteúdo bacana e atualizado.

Quem Somos

Somos uma família de 4: eu, Cíntia, engenheira de formação mas que sempre gostei de escrever e viajar; marido, que me acompanha nas viagens (mentais ou reais) desde 2009; e nossos 2 malinhas, Letícia e Felipe, atualmente com 12 e 10 anos, que carregamos por todos os lugares desde que ainda estavam na minha barriga. Às vezes somos 5, quando meu enteado, atualmente com 19 anos, nos acompanha – os malinhas amam quando o irmão mais velho está junto!

Fazemos Parte

Siga no Facebook

Siga no Pinterest

Siga no Instagram

Vá de carro

Compre suas passagens

Não viaje sem seguro

Leia com a gente

Posts Recentes

Continue entre Mochilas e Malinhas

2 respostas

  1. Estamos pensando em fazer nossa primeira viagem de carro com nosso menino pequeno, de 2 anos e meio, e achei essa opção bem legal. Mas os links não funcionam mais, tem salvo ainda os textos falando de cada parte da viagem?

    1. Oi Matheus! Essa é uma viagem incrível mesmo, nós amamos! Nosso caçula tinha 4 anos quando fomos e se divertiu muito.
      Acabei de atualizar todos os links, obrigada pelo toque, não sabia que não estavam funcionando. Espero que dê certo a sua viagem e aproveitem muito!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *