Campos do Jordão com crianças: Parque do Capivari

A gente adora Campos do Jordão e com frequência fazemos um bate-volta para passear por lá (moramos em São José dos Campos, a cerca de uma hora de carro de Campos). Na nossa última ida à cidade passamos algumas horas no novo Parque do Capivari.

A área de mais de 40 mil m2 ocupada pelo atual Parque do Capivari pertence à Estrada de Ferro Campos do Jordão e foi entregue à iniciativa privada desde junho de 2019. Foi totalmente revitalizada e ganhou uma porção de atrações adicionais, além dos já existentes teleférico e pedalinho.

Localizado no badalado bairro de Capivari, a entrada do complexo do parque fica ao lado da estação de trem e é gratuita, mas todas as atrações são pagas à parte – e é bom preparar o bolso, pois experimentar tudo pode sair bem caro, ainda mais que tudo é pago por tempo. Meu malinha menor ficou doido pelo pedalinho e foi com o pai, enquanto eu acompanhei a mais velha, que quis ir na tirolesa. 

Além da tirolesa, do pedalinho e do teleférico, há opções de patinação no gelo, tiro ao alvo e uma tenda somente de jogos e simuladores de realidade virtual. Todos os ingressos podem ser comprados em terminais eletrônicos dentro de uma área coberta, e há opção de alguns combos que saem mais barato que os ingressos individuais – por exemplo, a tirolesa e a escalada. Para se ter uma ideia de preço, o pedalinho custa 20 reais por meia hora; o teleférico, 25 reais; a patinação, 50 reais por 30 minutos ou 80 reais por uma hora (preços em setembro/2019). Vale ressaltar que há restrição de idade para algumas atrações, é preciso ficar atento às regras de cada lugar – o teleférico é um caso, pois como se tratam de cadeiras individuais, só é permitido a maiores de 12 anos.

Na mesma área do parque fica o Centro de Memória Ferroviária, com entrada gratuita e aberto apenas às sextas e sábados, que conta um pouco da história da Estrada de Ferro de Campos do Jordão ao longo dos anos. É um local pequenininho mas com um acervo bem interessante, com destaque para uma antiga máquina a gasolina. Dentro da área do parque também há lojinhas vendendo aqueles tradicionais cachecóis e luvas, e alguns food trucks. 

Resolvemos subir de carro até o Morro do Elefante, ponto de parada do teleférico, que fica a 1800 m de altura. O morro recebeu esse nome porque de longe lembra vagamente a tromba de um elefante 🐘. O local virou ponto turístico bastante tradicional porque dali se tem uma vista panorâmica da cidade – é possível ver a Vila de Capivari toda e parte das Vilas Abernéssia e Jaguaribe.

No Morro do Elefante também é possível comprar ingressos para o teleférico e começar o passeio por ali. Uma curiosidade: o teleférico existe desde 1970!

Já fazia alguns anos que não íamos lá e apesar da linda vista e de ser um ponto turístico famoso, achamos o ambiente meio mal cuidado – a escultura do elefante, por exemplo, onde todos querem tirar uma foto, está precisando urgente de uma pintura, e havia lixo e pichações por todo lado. Vale mesmo pela vista da cidade.

👉 Como chegar ao Parque do Capivari:

O acesso principal ao Parque do Capivari fica após o calçadão da Praça São Benedito, atrás da Concha Acústica e ao lado da Estação Ferroviária, na Vila Capivari.

👉 Site do parque: Parque Capivari – é possível comprar os ingressos para o teleférico e os pedalinhos antecipadamente pelo site. Para as demais atrações, somente compra na hora.

👉 Vai passar uns dias na cidade? Confira esses outros posts de Campos do Jordão:

↪ 6 LUGARES IMPERDÍVEIS EM CAMPOS DO JORDÃO

↪ MUSEU FELÍCIA LEIRNER EM CAMPOS DO JORDÃO

↪ CAMPOS DO JORDÃO | OS 5 MELHORES FONDUES DA CIDADE

 Salve essa imagem no seu Pinterest 👇-

Gostou? Compartilhe!

Planeje sua viagem!

Utilizando os links dos nossos parceiros abaixo, você não paga nada a mais e nos ajuda a continuar produzindo conteúdo bacana e atualizado.

Quem Somos

Somos uma família de 4: eu, Cíntia, engenheira de formação mas que sempre gostei de escrever e viajar; marido, que me acompanha nas viagens (mentais ou reais) desde 2009; e nossos 2 malinhas, Letícia e Felipe, atualmente com 12 e 10 anos, que carregamos por todos os lugares desde que ainda estavam na minha barriga. Às vezes somos 5, quando meu enteado, atualmente com 19 anos, nos acompanha – os malinhas amam quando o irmão mais velho está junto!

Fazemos Parte

Siga no Facebook

Siga no Pinterest

Siga no Instagram

Vá de carro

Compre suas passagens

Não viaje sem seguro

Leia com a gente

Posts Recentes

Continue entre Mochilas e Malinhas

18 respostas

  1. É muito bom aproveitar os lugares próximos de casa, entre viagens maiores. O meu filho ia adorar o Parque Capivari, o meu bolso é que provavelmente não. E linda paisagem, desde o Morro do Elefante

  2. Campos do Jordão sempre esteve nas nossas conversas de destino de inverno, mas adorei saber que tem opções interessantes e ao ar livre com crianças. O Parque Capivari é um desses espaços que certamente entrariam no nosso roteiro, a gente adora.

  3. Como nunca viajo com criança, não sabia de muita coisa deste post! rs só subi mesmo no Morro do Elefanta, mas nem reparei que tinha uma tirolesa por ali rs.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *